quarta-feira, 30 de Janeiro de 2008

Saladinha de Polvo

Combina melhor com o calor do Verão... mas nunca digo que não a uma saladinha destas!

Cozi 1 polvo da forma habitual (quem me conhece sabe que eu não sou a pessoa mais indicada para explicar como se coze o polvo, de maneira a ficar no ponto... lol...).

Escorri o polvo e cortei-o aos bocadinhos.

Coloquei-o numa travessa.

Juntei batatas e beterrabas cozidas cortadas aos cubos, tirinhas de pimento vermelho assado e umas farripas de alface.

Piquei finamente 1 cebola, 1 raminho de salsa (2 ovos cozidos e cortados às rodelas também teriam ficado muito bem, se me tivesse lembrado...).

Juntei tudo ao polvo e misturei.

Reguei a salada com 3 colheres de sopa de azeite misturadas com 2 colheres de sopa de maionese e 1 colher de sopa de mostarda.

Temperei de sal e pimenta.

Pelo menos dá para me pôr a sonhar com as férias...

segunda-feira, 28 de Janeiro de 2008

Lombinho na Telha


Há muito tempo que a minha telha alentejana não saía do armário...

Temperei um lombinho de porco com sal, pimenta, massa de pimentão e alhos picados.

Coloquei-o na telha rodeado por batatinhas aos cubos, rodelas de cenouras e tiras de pimento verde.

Reguei com azeite e um copo de vinho branco.

Levei ao forno (200ºC) durante 1 hora.

Adoro cozinhar na telha!

sexta-feira, 25 de Janeiro de 2008

Bolo de Mel, Café e Canela

Mais uma maravilha do Petiscos...
Este bolinho é da Sweet, fiz-lhe pouquinhas alterações...

Bati 6 gemas de ovos com 400 g de açúcar mascavado.
Juntei 450 g de farinha misturada com 1 colher de chá de fermento, 1 colher de sopa de mel, 1 copo de café (fiz com café soluvel Nestlé), 1 colher de sopa de canela e raspa da casca de 1 limão.
Por fim, envolvi as 6 claras batidas em castelo.
Levei ao forno, numa forma untada com manteiga e polvilhada com farinha.
Se procuram um bolo rápido, fofo e ... enorme
... está aqui mesmo!

quarta-feira, 23 de Janeiro de 2008

Salmonetes no Forno com Laranja

São tão bons os salmonetes com laranja...

Arranjei 3 salmonetes e temperei-os de sal e pimenta.

Coloquei-os num tabuleiro, sobre uma cama feita com azeite, cebola e alhos picados.

Reguei-os com o sumo de 2 laranjas e levei-os ao forno cerca de meia hora.

Acompanhei com batatas e cenouras cozidas e salada verde.

Pena é não lhes poderem sentir o cheirinho...

sábado, 19 de Janeiro de 2008

Galinha de Fricassé

Desta vez, foi a galinha quem caíu no molho delicioso...

Tirei todas as peles e os ossos e fiz em pedacinhos a metade de uma galinha cozida.

Fiz um refogado com azeite, 3 dentes de alho e 1 cebola roxa picados.

Juntei os pedaços da galinha, uns cogumelos frescos fatiados e deixei tomar um pouco de cor.

Entretanto misturei, numa tacinha, 2 gemas de ovos, 1 colher de sopa de mostarda (usei Savora com grãos) e o sumo de 1 limão.

Rectifiquei os temperos (sal, pimenta e paprika) e retirei o tacho do lume.

Imediatamente juntei o molho de fricassé e mexi rapidamente. Levei de novo a lume muito brando e mexi rapidamente para as gemas engrossarem sem formar grumos.

Juntei 1 raminho de salsa picada.

Deitei a galinha e o molho por cima das batatas fritas.

Uma salada verde fica sempre bem...

Fricassé é dos nossos molhos preferidos: de galinha, frango, peixe ou até mariscos.

Já experimentaram?

quinta-feira, 17 de Janeiro de 2008

Gambas de Caril

Sabem bem em qualquer dia da semana...

Numa frigideira, com um fio de azeite, alourei 4 dentes de alho esmagados.
Juntei 400 g de gambas descascadas e deixei fritar um pouco.
Temperei de sal e pimenta moida na altura.
Dissolvi 2 colheres de chá bem cheias de caril num pouco de leite de coco, retirado de uma lata de 400 ml.
Juntei ao restante leite de coco e misturei bem.
Misturei esta mistura com as gambas e deixei ferver para engrossar.
Nos ultimos 5 minutos, juntei 4 rodelas de ananás de lata aos pedacinhos, mexi e deixei apurar.
Servi rodeado de arroz branco.
E pronto! Foi só um instante...

terça-feira, 15 de Janeiro de 2008

Borrego Inspirado

Ficou com este nome por falta de inspiração de mim mesma para lhe arranjar um nome melhor….

Arranjei uma mãozinha de borrego com algumas costelas agarradas.

Cortei em pedaços e temperei-a com sal, pimenta, paprika, uma colher de café de pó de caril, 3 dentes de alhos às rodelas, 2 folhas de louro partidinhas e 1 copo de brandy e outro de vinho do Porto.

Deixei ficar umas 2 horas.

Num tacho de barro deitei um fio de azeite, 1 cebola branca e 1 roxa picadas e deixei alourar.

Juntei os pedaços de borrego e deixei tomar cor.

Misturei 2 linguiças cortadas às rodelas e 1 cm de gengibre fresco em rodelinhas.

Mexi bem e deitei o líquido da marinada.

Tapei o tacho e deixei cozinhar durante uns 30 minutos.

Cozi batatinhas em água e sal.

Escorri e misturei com o borrego, no tacho de barro.

Fora do lume, polvilhei abundantemente com salsa picada.

Acompanhei com uma salada verde.

No final de tudo, acho que a inspiração não fez tanta falta assim...

domingo, 13 de Janeiro de 2008

Tarte de Maçã

Aprendi esta tarte no Petiscos, com a Raposa...
Agora é a nossa preferida!


Desenrole uma massa quebrada (compro a massa já pronta, porque a massa e eu não nos damos lá muito bem...) e forre uma forma de tarte. Pique a massa com um garfo e reserve.

Descasque e corte 4 ou 5 maçãs reinetas (também gosto das verdes ou amarelas, rijinhas) aos quartos, fazendo vários golpes na parte de fora, sem nunca levar o corte até ao fim (também fica muito bem com peras ou pêssegos).

Coloque os pedaços de maçã na tarteira, com os cortes para cima, sobre a massa quebrada.

Prepare a cobertura, misturando:
100 gde açúcar
3 ovos
1,5 dl de natas
2 colheres de sopa de sumo de limão
raspa de 1 limão
...e deite esta mistura sobre as maçãs.

Leve a tarte ao forno, previamente aquecido, a 190º C durante mais ou menos 30 minutos.

Depois de cozida, deixe a tarte arrefecer e, quando estiver morna, polvilhe com açúcar em pó.

Ainda está inteirinha, a arrefecer...
Alguém quer uma fatia, enquanto é tempo?

sexta-feira, 11 de Janeiro de 2008

Ovas com Todos

Para mim, é um jantar perfeito para uma 6ª feira como esta, cheinha de vento e chuva...

Nem tem receita.

É só cozer batatas, cenouras, ovo, as ovas e nos últimos 5 minutos junto feijão verde.

Escorro bem e sirvo temperadas com azeite (quem gosta também usa vinagre).

P.S. - Compro as ovas de pescada, bacalhau ou peixe-espada congeladas, são bem mais baratas. Também são deliciosas quando fritas ou em saladinhas...

Que tal? Boas, boas, boas...

terça-feira, 8 de Janeiro de 2008

Noodles com Cubos de Vaca

Uma massinha destas é o melhor que se pode ter quando o dia está tão comprido, que parece não ter fim...
Na panela de pressão coloquei 1 fio de azeite, 3 dentes de alho esmagados, 1 cebola roxa picada e 700 g de carne de vaca cortada em cubos.
Deixei a carne tomar cor e temperei com sal, pimenta, paprika e 1 colher de chá de caril.
Juntei 1 dl de vinho do Porto e meia dúzia de tomates secos (estiveram de molho durante meia hora, em água morna).

Tapei a panela e, depois de apitar, contei 20 minutos.
Destapei a panela, juntei 1 copo de água e quando ferveu novamente, juntei cogumelos secos (também de molho meia hora em água morna) e 250 g de noodles.

Misturei e deixei cozer 5 minutos.
Foi a primeira vez que usei tomates secos e não fiquei fã...
Será que os usei da forma errada?
As massinhas? Deliciosas!

domingo, 6 de Janeiro de 2008

Polvo no Forno

O polvo e eu andamos sempre às guerras...
...desta vez, ganhei eu e ele não virou chiclete!

Levei 1 polvo a cozer com água, durante 30 minutos, na panela de pressão.

Descasquei as batatas e cortei-as ao meio.

Cortei o polvo em pedaços e coloquei-as num pirex com as batatinhas à volta.

Temperei com sal, pimenta, um pouco de paprika e 3 dentes de alho esmagados.

Reguei com 2 dl de azeite e salpiquei com 1 colher de sopa de vinagre de cidra.

Levei ao forno durante 40 minutos.

Servi salpicado com salsa picada.

Às vezes, como hoje, é tão fácil, outras o polvo torna-se num inimigo bem rijo... duro de roer!

sexta-feira, 4 de Janeiro de 2008

Costeletas à Marinheiro

Depois das costeletas à salsicheiro, saíram estas à marinheiro…
Temperei as costeletas com sal, pimenta e sumo de limão. Esperei 2 horas e grelhei-as no grelhador eléctrico.

Entretanto, numa frigideira coloquei azeite, 4 dentes de alho esmagados, 1 cebola roxa picada e 1 raminho de coentros e deixei aquecer.

Juntei uma mão cheia de amêijoas e esperei que abrissem, mantendo a frigideira sobre lume forte.

Depois juntei 250 g de camarões descascados, reguei com um pouco de brandy e deixei que fritassem.

Coloquei as costeletas grelhadas numa travessa, cobri-as com as amêijoas e os camarões e reguei com o molho que se formou.

Acompanhei com batatas fritas e salada verde.

Aposto que a Risonha vai gostar da minha travessa...

quarta-feira, 2 de Janeiro de 2008

Wok de Frango e Frutas

Ainda estamos no rescaldo das festas...

No wok, deitar 1 fio de azeite, 3 dentes de alho e 1 cebola roxa picados.

Juntar meio frango cozido, limpo de peles e ossos, desfiado e deixar fritar.

Misturar 6 cogumelos frescos, cortados às fatias, 4 rodelas de ananás de lata aos pedacinhos e 1 manga cortada em palitos.

Manter sobre lume forte.

À parte, cozer massa em água e sal.

Quando a massa está al dente, escorre-se e junta-se no wok, envolvendo bem.

Servir quente, no próprio wok.

Espero que 2008 seja um Bom ano para todos!