quarta-feira, 15 de fevereiro de 2017

Açorda com Ovos Escalfados (Trilogia 162)

O Amândio disse: "Economia a todo o custo sem poupar na qualidade da comida" e eu e o Luís tivemos que nos «desembrulhar»...
Há quem lhe chame alentejana, mas não me atrevi…
Económica é, deliciosa também e nada de poupar na qualidade da comida…


Comecei por cortar um pão alentejano (dos cabeçudos), da véspera. em fatias de tamanho médio.
Depois escalfei 6 ovos, em água ligeiramente acidulada com vinagre.
Reservei-os.
Cortei 3 dentes de alho (grandóes) e um molho de coentros para dentro de um almofariz.
Juntei-lhes 1 colher de sopa de sal grosso.
 Pisei-os até ficarem reduzidos a uma pasta.


Deitei esta pasta numa terrina e reguei com 6 colheres de sopa de azeite. 
Molhei com 1.5 l de água a ferver, mexendo para dissolver a papa de coentros.
Finalmente introduzi as fatias de pão, esperando uns minutos para que ficassem embebidas no caldo.


Por cima, coloquei os 6 ovos escalfados.
Servi bem quente.



3 comentários:

  1. Ai, ai essa bela açordinha! É sopa/prato que nunca farta!

    ResponderEliminar
  2. O lema tem que ser mesmo esse :) qualidade e poupança :)
    https://www.facebook.com/Cininha-1696271824016583/

    ResponderEliminar

Bem vindos(as)!
Obrigada pela visita e também pelo comentário.