sábado, 10 de julho de 2010

Caldeirada

Não é a primeira vez que a caldeirada aparece por aqui...
Mas é um dos meus pratos preferidos, por isso tem direito a bis!

Cobri o fundo do tacho de barro com azeite, 3 dentes de alho às rodelinhas, 2 cebolas roxas em meias luas e uma dúzia de ameijoas pretas frescas.

Por cima, coloquei 4 batatas descascadas e cortadas às rodelas.
Temperei com sal, pimenta e pimentão doce em pó.

Em seguida, 2 tomates maduros e meio pimento verde, ambos aos pedacinhos.

Finalmente, coloquei as postas de peixe, temperadas apenas com sal:
2 de tamboril, 2 de cação, 2 de raia e 1 de safio (da zona da barriga, que não tem espinhas).
Completei com a outra metade do pimento verde, mais 1 tomate aos pedacinhos,temperei com mais umas pedrinhas de sal , pimenta e pimentão em pó.
Reguei com mais azeite e 2,5 dl de vinho branco.

Levei ao lume, com o tacho tapado, uns 25 minutos.
Antes de servir, com o lume apagado, polvilhei abundantemente com coentros.

Et voilá!
Almoço de sábado, no Pretérito Mais que Perfeito...


7 comentários:

  1. Eu tb adoro caldeirada e lembraste-me que há imenso tempo não como...

    ResponderEliminar
  2. Por acaso, por aqui cheirou muito bem a caldeirada, deu para perceber que vinha desses lados.
    Estive para passar pela adega e levar-lhe a pinga.
    Beijinhos

    ResponderEliminar
  3. Uma caldeira é sempre um pratinho que se apresenta muito bem è mesa.

    Jitos...

    ResponderEliminar
  4. Delicia eu tbm adoro caldeirada, mas aqui em casa quem faz é o bem...tem um mimo p vc no meu blog da uma passadinha la
    ...bjos

    ResponderEliminar
  5. que caldeira com aspecto tao bom
    ja me estas A DAR A FOME PARA O JANTAR
    BEIJOCAS

    ResponderEliminar

Bem vindos(as)!
Obrigada pela visita e também pelo comentário.